Imprensa

Terça-feira, 31 de Julho de 2012 - Atualizado em 23/01/2017 16:40

Auriculoterapia Francesa pode ser uma boa escolha para o tratamento de ansiedade

Artigo elaborado através do trabalho de conclusão de curso CETN - Bauru 2012.

POZZETTI, G. S. D.; ANDRADE, L. B. O.

1 - INTRODUÇÃO

Algumas preocupações são saudáveis, pois evitam que o cérebro se coloque em situações problemáticas. Preocupar-se é importante, desde que nas horas e proporções certas. Quando a ansiedade é excessiva, causada por preocupações sem propósito ou exageradas, atrapalha a nossa habilidade de lidar com problemas, corrói a saúde e afasta o bem-estar. A ansiedade é uma experiência muito familiar para quase todas as pessoas e parece predominar nas várias situações estressantes e complexas da vida moderna.

2 - OBJETIVO

O objetivo deste estudo foi analisar a eficácia da Auriculoterapia Francesa no tratamento da ansiedade.

3 - MATERIAIS E MÉTODOS

Foram realizadas 10 sessões, sendo uma vez por semana. Utilizamos agulha da marca Sterile, tamanho 0,20 x 13 e agulha semipermanente 1,5mm.
Pontos de tratamento:

  • Ponto Trigêmeo
  • Ponto do Olho
  • Ponto Maxilar
  • Ponto Biliar ou Fígado
  • Ponto Estômago
  • Ponto Tálamo
  • Ponto Hipotálamo
  • Ponto Tragus
  • Ponto Medular
  • Ponto Zero

4 - CONCLUSÃO

Concluímos que a Auriculoterapia Francesa é uma técnica que ajuda no restabelecimento da saúde de forma gradual. Nos casos do tratamento em questão, esse restabelecimento gradual pode ser notado a partir dos relatos das pacientes que apresentaram melhora dos sintomas no decorrer das sessões. Com a continuidade dos atendimentos a paciente do Caso 1 realizou por conta própria a suspensão do medicamento que usava e a paciente do Caso 2 diminuiu a dose diária do medicamento.

Desde então, as pacientes não apresentaram mais os sintomas na mesma intensidade que apresentavam no início das sessões de Auriculoterapia Francesa, sendo que, atualmente, continuam realizando sessões a cada 15 dias, apenas em caráter preventivo e manutenção do seu bem estar geral.

Orientado por Profª Rosimeire Bissiato , adaptado por profª Brena Montanha. 

Deixe seu Recado