Imprensa

Terça-feira, 05 de Dezembro de 2017 - 09:57

A Acupuntura e a Medicina Esportiva Equina

dezembro, 2017, imprensa,
A equinocultura vem crescendo a cada dia e, cada vez mais, investindo em tecnologia e saúde para os animais, principalmente quando tratamos de equinos de esporte.
Assim como na medicina humana, vários métodos vêm sendo utilizados visando a melhora do desempenho, como por exemplo, uso de massagem, fisioterapia, tratamentos diversificados, alimentação, e até mesmo substâncias ilegais. A seleção genética é também forte aliada na busca de grandes atletas. Nesse contexto a medicina tradicional chinesa, através principalmente da técnica da acupuntura, vem ganhando popularidade, com o intuito de auxiliar na melhora do desempenho do equino atleta, pois a mesma consegue auxiliar no diagnostico, tratar o animal de forma eficiente e ainda ter uma boa ação profilática.

A Acupuntura Veterinária é tão antiga quanto a que é aplicada em humanos, porém no Brasil, é relativamente recente, datada de meados da década de 1980. Desde então, vem ganhando o cenário nacional devido a sua alta eficácia. A Acupuntura é uma técnica milenar chinesa, reconhecida pela Organização Mundial de Saúde (OMS), que consiste na estimulação de pontos específicos do corpo através da aplicação de agulhas, buscando um efeito terapêutico e/ou homeostático.

Os efeitos da acupuntura são explicados através de diferentes teorias, tais como Yin e Yang, Cinco Movimentos, Zang Fu, oito princípios. Mas a teoria mais antiga utilizada é a dos Cinco Movimentos (madeira, fogo, metal, terra e água), sendo que esses processos são dependentes, e cada um é responsável por governar diferentes órgãos dos sentidos, emoções, cores, sabores, dentre outros.A estimulação destes pontos pode ser feita de outras formas além do agulhamento, como por exemplo, aquecer o ponto com um bastão de erva chinesa chamado moxa, pressão digital, implante de ouro ou fio de sutura, aplicação de medicações, eletroacupuntura, laser, dentre outras formas.

A Acupuntura vem se destacando no cenário esportivo por ser uma técnica de baixo custo, pouco invasiva, usada para diagnóstico, tratamento e como método profilático. Para a obtenção de bons resultados com a acupuntura é preciso uma boa observação do animal como um todo e que todos os distúrbios que vem afetando o mesmo sejam corrigidos.

Combinada ao correto encilhamento, ferrageamento, alimentação balanceada, treinamento correto, a Acupuntura tem bons resultados na maioria de seus pacientes tratados, retornando estes aos mesmos níveis ou níveis superiores de desempenho, após cerca de uma a cinco sessões.

2017, noticias, editor,
2017
A Acupuntura nos equinos também é usada como um auxilio diagnóstico de lesões do tipo osteomuscular. Os diagnósticos são feitos baseados no trajeto dos meridianos, além dos pontos de assentimento ou associação, e também com o uso das teorias da medicina chinesa. Dessa forma, torna-se possível o diagnóstico de lesões de tendões, ligamentos, articulações, lesões ósseas e musculares.

Os efeitos fisiológicos da Acupuntura vêm sendo associados aos dos exercícios, sendo estes similares, em relação ao sistema nervoso, estimulação de fibras nervosas, efeitos nos sistemas cardiovascular, e respiratório e respostas neuroendócrinas. O alivio da dor com o uso da acupuntura é resultado do aumento na perfusão local e diminuição dos espasmos musculares, causados pelo efeito local da colocação da agulha, decorrente a perfuração temos o aumento da circulação local, liberação de serotonina indução de efeitos humorais, liberação de endorfinas, entre outras reações. Estas endorfinas têm sido identificadas na modulação da dor e inibição da transmissão nociceptiva em todos os níveis do sistema nervoso.

Normalmente, três fatores principais estão ligados ao baixo desempenho atlético dos equinos: fadiga fisiológica, estresse psicológico e dor. Para a Medicina Chinesa o baixo desempenho é frequentemente causado por deficiência de Qi ou estagnação de Qi e Xue. Logo o conhecimento em todos os aspectos da Medicina Tradicional Chinesa se faz necessário para o bom diagnóstico e determinação de um tratamento eficaz para tratar o cavalo atleta.

A dor em tecidos moles de áreas em cervical e/ou lombar tem sido um fator comum na queda de performance dos cavalos atletas. Sendo a Acupuntura e suas variadas técnicas extremamente efetivas no tratamento destas afecções. Além de tratar processos inflamatórios, reduzindo as dores decorrentes da intensa rotina de treinos, a acupuntura ainda auxilia no relaxamento muscular e mental do animal, aumenta a imunidade, auxiliando na prevenção de lesões e promovendo uma recuperação física mais rápida após os exercícios intensos.

Sendo assim, concluímos que a acupuntura vem se tornando uma excelente opção na melhora do desempenho esportivo dos equinos atletas, proporcionando uma melhor qualidade de vida, um maior aproveitamento das funções orgânicas do animal e uma recuperação mais rápida das suas funções.

M.V Letícia Viana Valle Vieira
Medica Veterinária Acupunturista | CRMV/DF 3871 | (61) 98467-3135

Cavalus
Deixe seu Recado