Pós-Graduação em Acupuntura

O mais completo do Brasil

Histórias de Sucesso

Marcio Takinaga

Há seis anos tive meu primeiro contato com a Acupuntura, era um amigo fisioterapeuta que tinha a formação na área. Pude acompanhar alguns atendimentos e fiquei impressionado com a técnica.

Pouco tempo se passou e surgiram dois cursos de acupuntura em Manaus, não pude me inscrever na primeira turma e por um lado foi muito interessante, pois pude analisar e ver qual escola eu me encaixaria.

Por fim me inscrevi no CETN e na primeira aula me encantei com a Medicina Tradicional Chinesa. A cada dia que passava me identificava mais e da mesma proporção me desinteressava pela minha formação ocidental.

Quando conclui o curso de Acupuntura observei uma grande dificuldade em associar as duas formações e decidi abandonar a minha formação ocidental e mergulhar de cabeça na Acupuntura.

No inicio, como tudo na vida, não foi fácil, algumas vezes pensei em desistir, mas agradeço muito aos meus amigos, professores e principalmente a minha família que me deram um apoio fundamental pra continuar estudando e praticando cada dia mais a Acupuntura

Hoje agradeço Ao CETN por ter me proporcionado todo esse ensinamento. Atualmente minha vida é Acupuntura e Medicina Tradicional Chinesa o qual faço com muito orgulho, amor e alegria atuando como Acupunturista no IAAM (Instituto de Acupuntura do Amazonas) na Clinica Dirce Takinaga e na empresa Palladium Energy além de exercer a função de coordenador no curso de Pós Graduação do CETN - Unidade Manaus.

Marcio Takinaga

Farmacêutico -
Geisi Janieli Pantaroto Perez

Sou formada em Fisioterapia e desde então sempre tive o sonho e a vontade de fazer a especialização em Acupuntura, pois sempre soube que essa prática me ajudaria muito nos meus tratamentos como fisioterapeuta. Fui da 2ª e última turma do CETN em Araçatuba e não me arrependo de ter estudado muito para aprender um pouco sobre a Medicina Chinesa e todos os ensinamentos que são apresentados durante o curso.

Desde o início do curso comecei a aplicar a Acupuntura no meu consultório particular, sempre alcançando os melhores resultados possíveis, até que em setembro de 2010, surgiu a oportunidade de fazer um processo seletivo em minha cidade (Birigui) para acupunturista que seria oferecido pelo SUS. Passei na prova e hoje além de atender no consultório trabalho também no Centro de especialidades de Birigui que atende apenas pacientes residentes em Birigui e tudo gratuito.

Sou muito feliz trabalhando com acupuntura, pois o reconhecimentos dos pacientes é a melhor recompensa que podemos ter.

Geisi Janieli Pantaroto Perez

Fisioterapia -
Orlando José Cassetari

Sou graduado em Enfermagem há três anos, após sete anos ter atuado como auxiliar de Enfermagem e depois técnico de Enfermagem na área hospitalar. Há dez anos ingressei na Saúde Pública. Minha visão da Enfermagem ampliou, observei a carência da população que necessita de algo mais além de remédios e consultas médicas.

Minha esposa é Fisioterapeuta e administra uma clinica particular na cidade de Avaré, pensamos em trabalhar juntos e a Acupuntura iria complementar o trabalho desenvolvido na clinica.

Pesquisamos o melhor curso do mercado de Pós Graduação e pelo cronograma mais completo, fiz minha inscrição no curso do CETN Bauru.

Na primeira aula fiquei maravilhado em conhecer a Medicina Chinesa e vislumbrei um novo rumo na minha vida e na carreira profissional.

Assim que tive a primeira aula de Auriculoterapia, os pacientes foram indicados pela minha esposa e foram marcando sessões semana á semana e quando percebi pagava meu curso com meu trabalho. Possuía paciente que acreditavam no meu potencial.

Estudava á todo tempo que tinha e hoje tenho minha clientela na clinica particular e propus e desenvolvo um trabalho de Acupuntura no CEREST-Centro de Referencia do Trabalhador, na Prefeitura de Avaré, com excelentes resultados e muita procura!

Sou muito grato ao CETN - Clinica Crescer e aos meus Mestres!

A Medicina Chinesa transformou minha vida! Sou um profissional realizado.

Orlando José Cassetari

Enfermeiro -
Isabel Fraga

Meu nome é Isabel tenho 47 anos, sou fisioterapeuta, técnica em massoterapia e acupunturista, curso que terminei em 2008 no CETN.

Fiz o curso de acupuntura por já ter tido um contato anteriormente com a auriculoterapia e achei muito interessantes e intrigantes os resultados alcançados com ela; e quando iniciei o curso apaixonei-me não só pela acupuntura, mas também pela medicina chinesa como um todo. E tudo isso foi graças ao esforço e dedicação dos professores do CETN, em mostrar-nos esse universo maravilhoso.

A partir de então, tenho trabalhado com a acupuntura isoladamente e associada com a terapia manual e alcançado excelentes resultados, até mesmo em patologias bem complicadas como síndrome do pânico, falta de libido, depressão, entre outras.
Com certeza todos deveriam aprender e utilizar mais a Medicina Chinesa. Eu recomendo!!!

Isabel Fraga

Fisioterapeuta -
Eduardo Bacellar

Sou formado em fisioterapia pela UNESP/Presidente Prudente e após alguns anos na profissão a fim de aumentar a eficácia dos tratamentos e abrir ainda mais minha área de atuação ingressei no curso de especialização em Acupuntura do CETN em 2004.

Logo de início percebi que jamais abandonaria a visão da Medicina Chinesa ao diagnosticar e tratar meus pacientes.

Como o curso desde as primeiras aulas ensina diversas técnicas não invasivas que podem ser aplicadas facilmente, imediatamente passei a aplicar e pude perceber os resultados em meus pacientes.

Hoje (2011) passados cinco anos após a conclusão da especialização em acupuntura, continuo a aplicar com sucesso tudo o que me foi ensinado no atendimento aos meus pacientes domiciliares e na minha clinica, onde juntamente com outras propostas de tratamento possíveis ao fisioterapeuta tenho experimentado uma grande satisfação profissional.

Eduardo Bacellar

Fisioterapeuta -
Sheila Conde Macedo Pontalti

Quando dei início ao curso de Pós Graduação em Acupuntura no CETN, não tinha a idéia da proporção de mudanças e experiências novas que minha vida estava prestes a presenciar.
Como Farmacêutica e Bioquímica, já não via maiores perspectivas para minha carreira, apesar de gostar, estava um pouco desmotivada, foi então que resolvi fazer uma pós-graduação e escolhi a Acupuntura.

Ao entrar em contato com a história da Medicina Tradicional Chinesa, o encantamento pela filosofia oriental e os mistérios do corpo humano que estavam prestes a serem desvendados me apaixonaram logo de cara, que só o fato de estar tendo a oportunidade de conhecer estes, já me deixava por satisfeita mesmo que não fosse trabalhar ou fazer deste o meu principal meio de atuação.

Mas conforme o decorrer destes dois anos de curso que foram se passando, cada vez eu me encantando mais com a Acupuntura, e dês do momento em que pude colocar em prática as técnicas aprendidas no curso, já logo comecei colocar em prática.

E isso foi expandindo dentro do meu dia a dia gradativamente, comecei a fazer outros cursos de aprimoramento que existem no CETN, e a hora que eu menos percebi, estava mergulhada dos pés a cabeça na Medicina Tradicional Chinesa (MTC).

Hoje atuo como Acupunturista em um projeto multidisciplinar em tratamento de doenças Oncológicas e saúde da mulher (Projeto MMUSA), em um convênio de assistência a saúde de policiais (APAS), em uma Clinica de Estética com Acupuntura Estética (Centro de Beleza - Cleuza Fogaça), na Clínica de Acupuntura do CETN e estou atualmente coordenando uma turma de Pós Graduação de Acupuntura do CETN em Campinas.

Ou seja, 100% MTC, e o que mais me deixa mais feliz é por estar atuando totalmente em uma área que se tornou a paixão da minha vida, que no meu ponto de vista, é o mais recompensador de tudo isso.

Sheila Conde Macedo Pontalti

Farmacêutica e Bioquímica -
Augusto Barba Corrêa

Sou graduado em Farmácia e sempre tive grande interesse pelo que hoje se convencionou chamar de Praticas Integrativas e Complementares (PIC), tanto através da fitoterapia, quanto homeopatia e acupuntura.

Porém, apesar do meu interesse pelas PIC, de inicio acabei por atuar exclusivamente em farmácias de manipulação e drogarias, parecia que minha vontade de associar ao meu trabalho como profissional de saúde as praticas integrativas era apenas um sonho distante.
Inesperadamente então uma porta se abriu e ingresso no Curso de Pós-Graduação em Acupuntura do Centro de Estudos de Terapias Naturais (CETN). Assim, com acesso a solida e ampla formação, passa a crescer meu interesse e envolvimento com a Acupuntura e as Técnicas Tradicionais Chinesas. Posteriormente tive ainda o privilégio de fazer o curso de massagem chinesa (TUI NA) oferecido pelo CETN, o que ampliou ainda mais meu leque de atuação.

Hoje com grande satisfação e graças a porta que se abriu com minha pós graduação em acupuntura, presto serviço em Boituva-SP como acupunturista (Clinica de Fisioterapia Maria Inêz), atendo as mais diversas faixas etárias e problemas de saúde, mas ainda presto serviço como farmacêutico (Farmácia Moderna) e assim concilio visão ocidental e oriental de pensar a saúde e a doença, pois sem duvida a área de saúde ganha na integração de diferentes visões e vivencias profissionais, e acredito pessoalmente que esta integração que faz a formação do CETN ser a mais completa e contribui para meu sucesso profissional.

Augusto Barba Corrêa

Farmacêutico / Bioquimico -
Fabiana Miyoko Misaka

Considerando que a Organização Mundial da Saúde (OMS) vem estimulando o uso da Medicina Tradicional/Medicina Complementar/Alternativa nos sistemas de saúde de forma integrada às técnicas da medicina ocidental modernas, o Município de Brejo Alegre- SP integrou em sua rede de atendimento a Assistência integrada aos Munícipes dentro da MTC, através da Fisioterapeuta Fabiana Miyoko Misaka, formada pelo CETN (Centro de Estudos de Terapias Naturais) em 2008.

Desde o ano de 2008 a Unidade Básica de Saúde Tancredo Neves realiza em média de 40 atendimentos mensais em MTC, os principais atendimentos são para disfunções ortopédicas e de origem psicossomáticas. A introdução da MTC nos atendimentos da rede básica de saúde veio a somar na qualidade de vida e redução no uso medicamentoso da população.

A oportunidade dos munícipes em receber esta técnica complementar tem favorecido o conhecimento sobre alternativas de tratamentos para várias disfunções, o que permite a população em geral a equidade no sistema de atendimento.

Fabiana Miyoko Misaka

Fisioterapeuta -